2/17/2018

Os Vingadores 7


Regular a edição 7 de "Os Vingadores", que começou trazendo duas histórias dos Fabulosos Vingadores, que mostraram o Esquadrão Unidade tentando encontrar o Caveira Vermelha para recuperar o cérebro de Charles Xavier. O vilão(que está escondendo-se, junto com sua filha Pecado, nas áreas subterrâneas da antiga Mansão dos Vingadores) consegue escapar da equipe em duas oportunidades graças aos seus poderes telepáticos. Enquanto isso, ficamos sabendo que Cable está temporariamente preso no presente e que Sinapse conversou com Medusa e decidiu não ir morar em Nova Attilan.


Depois, na história dos Novos Vingadores, os heróis vindos do futuro ajudam Billy Kaplan à livrar-se da influência maligna do mago Moridun. No final, Wiccano teve força de vontade suficiente para sozinho conseguir derrotar a sinistra entidade. Este foram os Vingadores futuristas: Capitã América(Danielle Cage, a filha de Jessica Jones e Luke Cage), Rei Hulk(uma versão futura de Hukling), Submarino de Ferro(um atlante usando uma armadura do Homem de Ferro), Collapsar(um "Mininova") e Mulher Marvel(uma conduíte de antimatéria, filha de Soprano).

Victoria

Nas fotos abaixo, a atriz, modelo e apresentadora de TV Victoria Lopyreva, a embaixadora da Copa do Mundo da Rússia 2018. Nesta semana, a musa fez uma visita ao Brasil e à CBF.

2/16/2018

Pantera Negra


Muito bom o filme do "Pantera Negra"("Black Panther", 2018, Dur.: 134 min., Dir.: Ryan Coogler), que mostra T´Challa(Chadwick Boseman) assumindo o trono de Wakanda e tendo que proteger seu reino de dois poderosos inimigos: Ulysses Klaue(Andy Serkis), o Garra Sônica, e Erik Killmonger(Michael B. Jordan), um mercenário com raízes wakandanas que participou de várias guerras como uma preparação para enfrentar o Pantera Negra.


A história é simples mas muito bem escrita e funciona tão perfeitamente que o filme parece acabar muito rápido, e talvez este seja seu maior "defeito". O visual da, ao mesmo tempo, moderna e mística Wakanda ficou ótimo e toda a produção foi pensada de forma competente, pois conta com cenas de ação, emoção e piadas na medida certa.


Killmonger, o principal adversário do Pantera, recebeu uma justa motivação para seus atos e mostrou-se um adversário à altura para o jovem rei. Além de tudo isso, o filme ganhou ainda uma mensagem relevante para os dias atuais, cuja essência faz o Pantera repensar suas crenças e as ações de seus antepassados e faz com que o duelo com o vilão ganhe muita consistência.


Boseman e Jordan entregam grandes atuações, assim como os outros integrantes do elenco: Lupita Nyong´o(que faz a espiã Nakia, o interesse romântico de T´Challa), Danai Gurira(que interpreta a durona general Okoye), Martin Freeman(como o agente da CIA Ross), Letitia Wright(como a cativante Shuri, irmã de T´Challa e cérebro por trás de seus equipamentos), Angela Bassett(que rouba suas cenas como a imponente rainha Ramonda) e Forest Whitaker(que faz o ancião Zuri, personagem com muita relevância na trama).


Os momentos finais da produção não decepcionam e a luta de T´Challa e suas companheiras(o rei foi extremamente sábio de cercar-se praticamente de mulheres) contra os inimigos de Wakanda conseguiu ser épica. Consegui chegar até aqui sem dar spoilers e por isso vou terminar, alertando à todos que o filme conta com duas boas cenas pós-créditos. O ano de 2018, que terá o aguardado "Vingadores: Guerra Infinita", começou com o pé direito nos filmes de super-heróis. Nota: 9.



* O Pantera Negra foi criado por Stan Lee e Jack Kirby e estreou no número 52 da revista original do Quarteto Fantástico, em 1966. Erik Killmonger foi criado por Don McGregor e Rich Buckler e apareceu pela primeira vez na revista "Jungle Action" 6, de 1973. O Garra Sônica também foi criado por Lee e Kirby e debutou na edição 53 de "Fantastic Four". Shuri, a princesa de Wakanda, foi criada por Reginald Hudlin e John Romita Jr. e fez sua primeira aparição nos gibis em 2005.


All The Stars

2/15/2018

A Chegada


Muito bom o filme "A Chegada"("Arrival", 2016, Dur.: 116 min., Dir.: Denis Villeneuve), que mostra uma especialista em linguagens(vivida por Amy Adams) e um físico teórico(Jeremy Renner) sendo convocados pelo exército dos EUA para tentar estabelecer comunicação com uma misteriosa raça alienígena que chegou na Terra e espalhou-se pelo planeta em doze naves com formato de concha.


Este é o tipo de filme que pode ser estragado por spoilers, mas dá para dizer que a história(apesar de recheada de termos técnicos e teorias) consegue emocionar e a reviravolta do final é ótima. As cenas que mostram os alienígenas assustam em alguns momentos, encantam em outros e os "heptapods" entram na lista de "E.T.s" inesquecíveis da história do cinema.


Os fãs de filmes de super-heróis podem deleitar-se com o encontro entre a "Lois Lane" Amy Adams(numa grande e tocante atuação) e o "Gavião Arqueiro" Jeremy Renner, que fizeram uma bela dupla. O elenco conta ainda com a sempre marcante participação de Forest Whitaker, que interpreta um coronel que comanda a investigação dos cientistas.


Assim como "Interestelar", "A Chegada" trabalha em dois níveis(um englobando toda a humanidade e outro abordando uma família) para passar uma poderosa mensagem, que eu não direi qual é pois ela pode estragar a graça para quem ainda não assistiu o filme, sem dúvida um dos melhores exemplares de ficção científica lançados nos últimos anos. Nota: 8,5.

On the Nature of Daylight

2/14/2018

Avante, Vingadores! 6


Não gostei da edição 6 de "Avante, Vingadores!", que trouxe apenas histórias medianas em suas 148 páginas. A primeira história dos "Supremos", por exemplo, teve Galactus como protagonista e foi pura enrolação. A segunda também não empolgou e mostrou Thanos indo atrás de um cristal Iso-8(uma espécie de cubo cósmico) que estava sendo estudado pelo Projeto Pégaso(dedicado à investigar fontes de energia alienígenas ou inexplicáveis). Apesar de ganhar destaque na capa(bem ruinzinha), o Titã Louco aparece em apenas 3 páginas.


A seguir, tivemos uma história legal do Esquadrão Supremo(que destacou o encontro entre a Doutora Espectro e o Raio Negro(que unem-se contra os aliens da Miríade) e o confronto entre os dois "Falcões Noturnos") e a conclusão do embate da Força-V contra a vilã Condessa(que deixa bastante a desejar). A aliança do Hulk e da Thor contra Encantor até que foi legal, e o gibi foi encerrado com duas histórias do Homem-Formiga.


A série estrelada por Scott Lang mais uma vez trouxe alguns momentos bem engraçados e destaca-se pelos bons coadjuvantes, como a Besouro, o Tufão e os ridículos Mago, Sequestrador e A Voz. Após ser derrotado na primeira aventura pelo Corretor do Poder, o Homem-Formiga forma uma equipe para ajudar sua filha Cassie a enfrentar o Corretor e Darren Cross(que flagra a jovem invadindo a sua empresa em Miami).

Superlungs My Supergirl


2/13/2018

Guardiões da Galáxia 6


Boa a edição 6 de "Guardiões da Galáxia", que começou mostrando Peter Quill e Kitty Pryde num planeta prisão dos badoons em uma missão de resgate recheada de discussões sobre uniformes(um assunto sempre delicado para a mutante) e a culpa de Quill sobre o que aconteceu em Spartax. Depois que Kitty leva as coisas para o lado pessoal e decide acabar com o campo de concentração badoon; Quill é capturado, levado ao planeta natal da Irmandade dos Badoons e condenado à morte.


A história estrelada por Drax é divertida, e mostra o guardião da galáxia devolvendo as crianças sequestradas por Fin Fang Foom aos seus respectivos mundos e sendo caçado por mercenários(como a letal Viagem Matadora e sua amiga Cammi). Já a história de Rocky Racum e Groot mais uma vez foi pura zoeira e mostrou que a rivalidade entre os dois colegas de equipe é capaz de atingir níveis insanos.

143



"Kitty Pryde | Brian Michael Bendis trabalha em roteiro do filme solo com diretor de Deadpool
(Fonte: Omelete - Autora: Natália Bridi)

A Fox contratou Brian Michael Bendis para desenvolver o roteiro de um filme situado no universo dos X-Men que será dirigido por Tim Miller, responsável pelo primeiro Deadpool. A informação foi divulgada primeiramente pelo Deadline e agora o Hollywood Reporter confirma que o filme em questão é o projeto focado em Kitty Pryde, também conhecida com Lince Negra.

O filme circula com o título de 143, referência a Uncanny X-Men #143, primeira aventura solo de Kitty Pryde. Na história, a mutante precisa enfrentar um demônio sozinha na Mansão X durante o Natal.

A Lince Negra já foi interpretada nos cinemas por Sumela Kay em X-Men: O Filme e Katie Stuart, em X-Men 2, ambas com aparições pequenas. O grande destaque foi mesmo Ellen Page, que viveu a personagem em X-Men: O Confronto Final e X-Men: Dias de um Futuro Esquecido.

Bendis tem passagens importantes pelas HQs da Marvel, incluindo os X-Men, e atualmente trabalha na DC, onde assumirá uma nova série do Superman. Já Miller se prepara comandar o novo filme da franquia O Exterminador do Futuro."


2/12/2018

The Gifted


Chegou ao final a primeira temporada de "The Gifted" que, ao contrário do que eu imaginava, terá um segundo ano e até que foi bem em mostrar um mundo onde os X-Men desapareceram e os mutantes são cruelmente caçados pelos humanos. Entre altos e baixos, a série teve alguns bons momentos(como os dois episódios finais) e acertou em personagens como a família Strucker(principalmente a dupla Lauren e Andy, cujos poderes funcionam como os dos Irmãos Fenris, das HQs), Polaris, Blink e as Irmãs Stepford(ou Frost, como são chamadas na série as três gêmeas telepatas). O ano terminou indicando a volta do Clube do Inferno e a próxima temporada deve mostrar a resistência mutante tentando reconstruir-se. Esta não é a série que os fãs dos mutantes queriam, mas está bem longe de ser um desastre.